38 HAICAI – MARILIA KUBOTA LANÇA "micropolis" EM SÃO PAULO E CURITIBA

A poeta Marilia Kubota lança seu primeiro livro de haicai “micropolis”, nesta quinta-feira (22), em Sâo Paulo e no sábado (24), em Curitiba.

Advertisements
Capa do livro "micropolis". Arte: Ronald Polito.
Capa do livro “micropolis” sobre ilustração de Ronald Polito.

A poeta Marilia Kubota lança seu primeiro livro de haicai “micropolis”,  nesta quinta-feira (22), em Sâo Paulo e no sábado (24), em Curitiba. O lançamento em São Paulo é promovido pela Lumme Editora, que publicou o livro, em 2014, e acontece no evento denominado “Recital Caixa Preta”, na Casa das Rosas, a partir das 19 horas.  O recital celebra os autores publicados pela editora, como Claudio Daniel (“Cadernos Bestiais”) e Contador Borges (“Lautréamont Anacrônico”). Em Curitiba, “micropolis” será lançado com outros dois livros: “Livro Arbítrio” (Casa Verde, 2015), do gaúcho Lau Siqueira e “Febre Terçã” (selo Off-Flip, 2013), da belenense Vássia Silveira, no Museu Guido Viaro, a partir das 20 horas.

micropolis traz 34 haicais, a maior parte escritos em oficinas de criação literária.  A capa do livro foi criada pelo poeta Ronald Polito e remete a um tema recorrente na arte japonesa, as pedras. No ano de 2014 Marilia Kubota começou a orientar oficinas sobre a forma poética japonesa, e escreveu alguns exercícios, que nunca havia experimentado antes. “Foi uma brincadeira. Jamais imaginei que poderia escrever haicais. Para mim, a poesia de Bashô, Issa e outros mestres japoneses é inigualável. Só pude me soltar porque escrevi sem pretensão de publicar um livro”, conta a poeta. micropolis é seu terceiro livro de poesia, antecedido por “Esperando as bárbaras”, de 2012 (Blanche Editora) e Selva de Sentidos, em 2008 (Água-forte Edições).

Embora este seja o primeiro livro, a autora organizou  um concurso de haicai, o Concurso Nacional de Haicai Nenpuku Sato, em 2008, nas comemorações dos 100 anos da imigração japonesa ao Brasil.   A partir daí, seu contato com a forma poética japonesa se aprofundou, orientando oficinas ou dando palestras sobre o tema.

neste outono
nem uma seta no alvo
pássaros nas nuvens

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s